18.7.15

Aniversário de 5 anos do blog/canal: Sorteios Independentes!

Eu sempre gostei de plataformas como blogs, pelo que lembro o meu primeiro do tipo foi em 2003, num site de uma determinada marca de sapatos, no qual havia espaços (sem flexibilidade de alterar layouts ou outros tipos de personalização) para postagens diárias no sentido de se criar um diário online: passar a prática de escrever num caderno para o virtual.

Também sempre gostei do conforto de um diário físico, mas a praticidade de um teclado me chamou a atenção desde então, e eu nunca mais deixei de ter um. Houve época em que eu tinha mais de um, ou de dois, na qual eu também mudava de layout como se muda de roupa. Foi nessa época que aprendi muita coisa sobre blogar, e posso dizer que tudo o que aprendi só veio com muita curiosidade e depois de procurar muitas informações. Até hoje, apesar desses 12 anos como blogueira, a tarefa de manter um espaço como este é difícil. Exige tempo, dedicação e responsabilidade. Mas eu amo o prazer que isto me proporciona, porque conversar sobre literatura é uma das minhas maiores paixões. E é por isso que, há 5 anos, o Literature-se é uma das minhas maiores paixões! Hoje, eu já não consigo me ver sem ser a "Mell Ferraz, do blog Literature-se".

E para agradecer àqueles que fazem isso valer a pena (a pessoa do "outro lado de lá" que conversa comigo sobre literatura, direta ou indiretamente), pedi a ajuda de algumas editoras e amigos para presentear alguns de vocês! Como são livros de vários gêneros, achei bacana separar os sorteios, então você pode participar de quantos quiser ;)

Para participar de cada um é fácil: basta ter um endereço para entrega no Brasil. De resto, você pode escolher ganhar pontos extras (mais chances de ganhar) se seguir/curtir/comentar segundo cada item.

Realizarei os sorteios no dia 31/07. Qualquer dúvida: blogliterature-se@hotmail.com


Stoner
Editora: Rádio Londres
Páginas: 316
ISBN:8567861020
Os cinquenta anos da vida de William Stoner são narrados com grande precisão e sensibilidade através de um estilo simples e elegante. São descritos seu progressivo e doloroso afastamento da família, as relações complicadas com os colegas, as amizades tragicamente marcadas pela guerra, a difícil vida conjugal, o intenso e impossível amor clandestino com uma professora mais jovem. Stoner reage às provações da vida com aparente impassibilidade e silencioso estoicismo, emergindo como um inesquecível e improvável heroi da vida cotidiana.



Rei Arthur e os cavaleiros da Távola Redonda - Bolso de Luxo
Editora: Zahar 
Páginas: 456
ISBN: 9788537814055

Em Rei Arthur e os cavaleiros da Távola Redonda, Pyle revive o nascimento de Arthur, a afirmação de seu direito ao trono, as batalhas com o Cavaleiro Negro e com o Duque da Nortúmbria, a conquista da espada Excalibur, o casamento com Lady Guinevere e as origens da Távola Redonda. Estão aqui também as histórias da Rainha Morgana, da Dama do Lago, do mago Merlin, traído pela feiticeira Vivien, de Sir Pellias, Sir Gawaine e de tantos outros personagens.
Essa edição traz texto integral e cerca de 30 ilustrações. A versão impressa apresenta capa dura, linda guarda e acabamento de luxo.
Encantador registro das lendas arturianas - um livro para todas as idades.

Kit: Livro O sol é para todos + marcador + ecobag
Editora: José Olympio
Páginas: 364
ISBN: 8503009498

Um livro sobre racismo e injustiça - a história de um advogado que defende um homem negro acusado de estuprar uma mulher branca nos Estados Unidos dos anos 1930 e enfrenta represálias da comunidade racista. O livro é narrado pela sensível Scout, filha do advogado. Uma história atemporal sobre tolerância, perda da inocência e conceito de justiça.



a Rafflecopter giveaway


(Fonte)
Ao farol - Giveaway
Editora: L&PM
Páginas: 224
ISBN: 9788525429469
Presente da colunista Isa, do blog Quase de manhã.
Sra. Ramsay, uma mulher madura, bela, maternal e serena; sr. Ramsay, um renomado e árido filósofo; os filhos e criados do casal; Lily Briscoe, amiga da família e aspirante a pintora. Todos estão passando o verão na Ilha de Skye, na Escócia, cercados por outros amigos e conhecidos. James Ramsay, de seis anos, anseia por um prometido passeio ao farol da ilha, enquanto recorta figuras de um catálogo na companhia da mãe.
Com essa cena de abertura, em si trivial, Virginia Woolf construiu um dos mais influentes romances do século XX, segundo críticos e leitores. Publicado em 1927, quando Woolf era já uma crítica respeitada e autora de alguns livros (entre os quais Mrs. Dalloway, de 1925 – o primeiro da sua tríade experimental, que seria completada com As ondas, em 1931), Ao farol é um romance rico, multifacetado, cujos vários e combinados aspectos compõem a marca da grande obra-prima. Por um lado, representa ricamente seu tempo, revelando a vida de uma família inglesa abastada, a ameaça soturna da guerra, a tensão subjacente às relações familiares e os conflitos entre homens e mulheres; por outro lado, constitui-se numa delicada e pungente filigrana ficcional, sobre a inevitabilidade da passagem do tempo e da morte; propõe uma jornada ao interior da consciência dos personagens, num novo estilo narrativo; e, por último, como é próprio das grandes realizações artísticas, reflete sobre a própria natureza da arte.
A narrativa divide-se em dois momentos: 1910 e 1920 – antes e depois da guerra que assolaria a Europa. A ênfase na introspecção filosófica, no explorar das emoções inconscientes e a manipulação hábil de elementos narrativos estabelecem um novo paradigma no tratamento literário do tempo e da memória. Da mesma linhagem da literatura de Proust e James Joyce, Ao farol ocupa o lugar de monumento literário da modernidade, e sua influência ecoa até hoje nas mais diversas formas de arte.
a Rafflecopter giveaway


0 comentários:

Postar um comentário

Obrigado por visitar e comentar no Literature-se.
Assim que puder, visitarei o seu blog. Caso não tenha um, deixe twitter, Facebook ou e-mail para que eu possa respondê-lo :)
Dicas, sugestões e críticas construtivas? Comentários abertos para isso e muito mais, só contando com aquela boa dose de bom-senso necessário, né? ;)

 
Literature-se © Todos os direitos reservados :: Ilustração por Prih Mizuh (@pri_mizuh) :: voltar para o topo