20.6.15

Meu Romeu, de Leisa Rayven

Meu Romeu, escrito por Leisa Rayven

Editora: Globo Livros
Páginas: 407
ISBN: 9788525058621
Livro cedido pela editora em parceria com o blog.
Cassie Taylor é uma garota tímida e insegura. “Se houvesse um Reino de Gente Idiota, eu seria a rainha”, pensa, enquanto caminha para o primeiro dia de ensaios. Ela está prestes a realizar o grande sonho de estrelar um espetáculo na Broadway, mas seu nervosismo nada tem a ver com a peça. O problema é que Ethan Holt, o ex-namorado que traiu sua confiança e partiu será o par romântico no espetáculo. Os dois se conheceram seis anos antes em uma escola de teatro de Nova York, quando estrelaram juntos uma montagem de Romeu e Julieta. Os traços da peça, porém, logo se confundiram com a vida real; apesar de viverem brigando, a atração entre os dois se tornou incontrolável. Mas, assim como no clássico de Shakespeare, este caso de amor se revela condenado.

Cassie Taylor está a um passo de realizar o sonho de estrelar na Broadway. O problema é que seu par romântico será seu ex-namorado, que partiu seu coração em milhares de pedaços. Fica rapidamente evidente que o que ele fez foi muito grave e que ela não conseguiu se recuperar, mesmo tendo passado tanto tempo. Ela ainda guarda uma grande mágoa e não conseguiu perdoá-lo por todo o sofrimento que causou e nem deixar de amá-lo.

Os dois se conheceram há seis anos, na Academia Grove, escola de teatro situada em New York. Desde a primeira interação entre os dois, fica claro que há uma atração, uma química inegavelmente fortíssima entre eles. Acaba que os dois, entre todos os colegas da turma, são escalados para protagonizar a peça de Romeu e Julieta. É aí que a situação se complica. Como negar, reprimir a eletrizante atração que sentem se eles têm de interpretar o casal mais romântico de todos os tempos? Enquanto os dois tentam lidar e entender seus sentimentos e quais serão suas consequências, muitas mágoas e traumas do passado de Ethan surgem. Ele não consegue lidar com a pressão e acaba partindo o coração de Cassie mais de uma vez. 
"Ele agarra meu rosto e me puxa para ele. Me paga de surpresa colocando os braços ao redor de mim e me beijando como se estivesse se afogando, como se eu fosse oxigênio. Não há nada cuidadoso nesse beijo, nada remotamente vago ou desonesto. É apaixonado e sufocante, e seu desespero é quente, me queima apesar do frio e da chuva. Por longos minutos ele me beija tão vigorosamente que o mundo dá voltas e quando se realinha está girando de novo em redor dele."
Então, a narrativa varia em dois tempos: passado e presente. Durante os flashbacks, vemos todo o desenvolver do romance dos dois, o que de fato aconteceu com eles, o que Ethan fez de tão imperdoável; conhecemos mais cada personagem e, consequentemente, nos apaixonamos mais por eles. Já no presente, há a luta dele em mostrar para Cassie que ele é um homem diferente, que eles podem ser felizes juntos. E que vai lutar por isso. A questão é que nada é tão fácil quanto imaginamos. Cassie tem muito medo de acreditar e se arrepender por isso. Como confiar em uma pessoa que tanto te magoou no passado? Será que eles conseguirão ficar juntos? 

Há quem não goste desse modelo de passado x presente. Normalmente, a história fica confusa, acabamos nos perdendo. Felizmente, a autora não comete erros nesse quesito. Ela consegue conduzir muito bem a história, não deixa lacunas na cabeça do leitor. Pelo contrário, o passado e o presente se conectam perfeitamente e o leitor consegue compreender, pouco a pouco, a história dos dois. 

A autora consegue construir com perfeição a química entre os personagens. Nós conseguimos acreditar que Cassie e Ethan deveriam ficar juntos. É impossível não torcer pelos dois. Além disso, conseguimos enxergar a diferença nos personagens no passado e no futuro, vemos o amadurecimento, vemos o quanto os acontecimentos do passado moldaram a personalidade de cada um no presente. O meu único incômodo foi o fato de a mocinha ter ficado fissurada por sexo e pensar nisso quase o tempo todo. Creio que a intenção da autora tenha sido demonstrar o quão forte era a atração entre os personagens principais e deixar a história um pouco mais sensual, mas achei que ela exagerou um pouquinho nesse ponto, ficou um pouco repetitivo. Tirando isso, a história é apaixonante. A história de amor dos protagonistas nos envolve e nos impede de largar o livro  até sabermos o que vai acontecer. É claro que ocorreram situações bem clichês durante a história, mas não vejo isso como algo depreciativo, isso não impede, de forma alguma, de nos apaixonarmos pelo casal principal e pensar em como deve ser viver um romance tão intenso como o deles

Felizmente, a história não acabou nesse livro. Há uma continuação que já foi lançada no exterior, chamada "Broken Juliet". Agora é torcer para a sequência ser lançada por aqui logo e para editora continuar fazendo o trabalho que fez no primeiro livro, que foi excelente e muito caprichado.

Resumindo: "Meu Romeu" é perfeito para os que gostam de romance, drama e cenas sensuais; para aqueles que querem sorrir e suspirar durante toda a leitura. Sem sombra de dúvida, esse livro tem um imenso potencial para conquistar milhões e milhões de leitores pelo mundo.

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigado por visitar e comentar no Literature-se.
Assim que puder, visitarei o seu blog. Caso não tenha um, deixe twitter, Facebook ou e-mail para que eu possa respondê-lo :)
Dicas, sugestões e críticas construtivas? Comentários abertos para isso e muito mais, só contando com aquela boa dose de bom-senso necessário, né? ;)

 
Literature-se © Todos os direitos reservados :: Ilustração por Prih Mizuh (@pri_mizuh) :: voltar para o topo