5.1.15

Balanço das leituras de 2014


(Fonte)
2015 começou sem eu aparecer prontamente aqui no blog para escrever sobre meu ano literário de 2014. Mas é claro que eu não poderia deixar de vir compartilhar o meu balanço, certo?

Como sempre, este post está repleto de notícias boas e ruins, pois nem tudo na vida sai do jeito como queremos e planejamos. Fiquei feliz em concluir algumas leituras que desejava, de iniciar alguns projetos e por ter lido mais do que no ano retrasado, mas também fiquei um pouco chateada por não cumprir algumas metas e por deixar para trás algumas ideias.

O desfecho dos 12 livros para 2014

Ano retrasado eu comecei a rabiscar muito cedo a minha lista de livros para ler em 2014. No começo de novembro ela já tinha um esboço,  no final eu já fiz a postagem com todos os títulos.

Eu sempre fui uma pessoa observadora e, mais do que isso, programadora. Algumas pessoas diriam controladora. Mas eu explico por que não posso ser chamada assim: eu simplesmente planejo sem me cobrar. Se deu certo, ótimo, muito bom, e passo a me sentir mais segura assim. Mas se não deu, tudo bem, pelo menos eu estive ocupada e deixei o passado para trás. É assim que me sinto fazendo planos e metas: vivendo. Algumas pessoas, de novo, diriam que eu vivo para/no futuro. E em parte elas estão certas dessa vez.

Mas a grande questão é: não somente eu não consigo cumprir minhas metas literárias específicas anuais, como também no ano de 2014 eu mudei muito de gosto e hábitos literários. Simplesmente eu não estava mais com vontade de ler os livros que separei para o meu ano. Claro que ainda sinto vontade de lê-los, mas acho que a intensidade desse desejo se voltou para outros livros e outros gêneros. Metade da lista se comprometeu por este motivo, mesmo ela sendo bem eclética.

Dos 11 livros que estão lá (não contando o bônus), só li quatro: O sol é para todos (resenha escrita e em vídeo), Mrs Dalloway, Um estudo em vermelho (resenha escrita e em vídeo) e A menina que roubava livros (resenha escrita e em vídeo). E, tirando Um estudo em vermelho (que também foi uma leitura muito boa), todos são daquele tipo de leitura que entra para o top 10 do ano, sabem? Fiquei feliz quanto a isso.

Porém, é claro que uma certa frustração também acompanha este balanço final. Apesar de normal, não cumprir metas sempre deixará um gostinho de quero mais da gente para com nossos esforços pessoais. 

Da experiência para o futuro (ou o agora)

Pensando nisso, e no fato de que eu sempre gosto de fazer metas (sabendo que as cumprirei ou não tendo tanta certeza disso), decidi deixar para trás planos rígidos, nos quais tenho de impor a leitura de determinados livros específicos. Quero algo mais flexível, mas ao mesmo tempo que me guie. 

Não sei se já conhecem o maravilhoso blog O Pintassilgo, nem se conhecem o projeto A year of reading the world. O primeiro possui um conteúdo incrivelmente bom, e a autora, a Juliana, possui vários projetos bacanas em andamento, inclusive um (Leitores sem fronteiras) bem semelhante ao projeto de ler pelo menos um livro de cada país, que é o caso do segundo link.

Inspirada neles, decidi criar duas metas literárias que se baseiam unicamente em: ler mais mulheres escritoras e ler mais livros de países diferentes. Esses projetos ainda são um esboço, mas logo mais trarei um post somente para tratar sobre esse assunto.

Quanto a metas pessoais, profissionais, amorosas? Eu sempre prefiro deixá-las somente para minha mente esboçar, criar e por em prática. E para o coração também :)

Livros lidos

Mas se não li esses livros específicos, o que eu li então?

Li 58 livros, em sua maioria muito bons. Foi um ano realmente incrível em relação às leituras, e acho que finalmente estou me encontrando como leitora. Devo dizer que estar numa fase de transição entre gostos às vezes me dá a sensação de instabilidade, mas 2014 passou para consolidar algumas ideias.

1. A culpa é das estrelas 
2. A viagem do tigre 
3. Príncipe Caspian 
4. Todo Dia 
5. A menina que roubava livros *
6. Bem mais perto 
7. O lobo do mar * 
8. Viagem sentimental ao Japão 
9. Poseidon 
10. Um estudo em vermelho 
11. O mágico de Oz * 
12. O sol é para todos * 
13. Laranja Mecânica * 
14. 2001 
15. Tempo de cerejas 
16. Casa de segredos 
17. Orlando * 
18. Quem sabe um dia 
19. Me liga 
20. As sombras de Loungbourn 
21. Fluam, minhas lágrimas, disse o policial 
22. Tarzan 
23. Claros sinais de loucura 
24. 1984 * 
25. As vantagens de ser invisível 
26. Colmeia 
27. Viagens na minha terra 
28. Noites brancas 
29. O maravilhoso agora 
30. Uma longa queda * 
31. A cidade e as serras 
32. Por que Indiana, João? 
33. Lua de larvas 
34. Finn's Hotel
35. Dublinenses
36. Fama & Loucura 
37. English is not easy 
38. Reparação *
39. O pequeno vampiro
40. Androides sonham com ovelhas elétricas?
41. Mau começo
42. Violent Cases
43. A sala dos répteis 
44. O lago das sanguessugas 
45. Vinte mil léguas submarinas 
46. Serraria Baixo-Astral 
47. Onde deixarei meu coração 
48. Persuasão 
49. Colégio no colégio interno 
50. As meninas 
51. Nas folhas do chá 
52. Cem anos de solidão * 
53. Fundação 
54. A festa da insignificância 
55. A psicanálise dos contos de fadas
56. Contos de fadas
57. Contos dos Irmãos Grimm
58. O médico doente

Os que possuem um "*" ao lado fazem parte do meu top 10 livros de 2014

Ano retrasado eu li bem menos do que ano passado, então esta é outra conclusão boa, principalmente porque eu li livros incríveis em 2014.

Outros projetos

Para terminar, preciso falar sobre outros projetos que comecei em 2015: 

  • O projeto Lendo as Crônicas de Nárnia, mas simplesmente (e infelizmente, esta é outra notícia ruim) parei de ler a série durante o ano. Quero mudar isso, e continuar a leitura. Aliás, quero reler o que já li, porém agora estou esperando completar minha coleção dos livros avulsos da série, pois creio que me cansei de ler a minha "edição-chumbo".
  • O projeto Lendo Desventuras em Série, que está em recesso, mas logo volta à ativa. Gostei de ter dado início a esta leitura, pois quero ler esses livros há anos e está sendo uma experiência super divertida.
  • O projeto Diário de leitura de Moby Dick também falhou miseravelmente, e talvez essa seja a maior tristeza do meu ano literário de 2014, pois eu simplesmente não tenho nenhum motivo para ter deixado de lado a leitura do livro. Talvez um: o de ter procurado ler mais livros curtos e de leitura rápida por conta dos estudos, mas do jeito que eu programei a leitura deste livro (dividida em partes de 100 páginas cada), não pesaria na minha rotina. É algo que acontece na vida e que não conseguimos explicar de forma satisfatória... Mas é uma leitura que com certeza retomarei em 2015!
  • O projeto Rory Gilmore Book Project: continua em andamento com certeza. Consegui ler alguns livros da lista, mas este ano quero me esforçar mais.

4 comentários:

  1. Oi! Td bom?

    Me identifiquei contigo, também sou dessas que gosta de metas, mas se não deu. Bom, a vida não termina né? Bora pra frente hehe

    Um ótimo 2015!

    Bjs

    Arrastando as Alpargatas

    ResponderExcluir
  2. Olá Mell! Sigo seu blog a pouco tempo, mas já gosto bastante. Sobre o projeto A year of reading the world, conhece o o projeto 198livros (http://www.viaggiando.com.br/p/198livros.html), do blog Viaggiando? A autora se baseou no primeiro, mas sem se prender a um ano apenas, o que também acho muito corrido para ler livros de todo o mundo e já leu bastante coisa. Acho bacana de acompanhar por lá, ela está fazendo resenhas de cada livro lido.
    Boa sorte nas metas! :)

    ResponderExcluir
  3. João Vitor Oliveira5 de janeiro de 2015 17:04

    Parabéns pelas leituras Mell! Lembra de tirar o Reparação da lista da Rory, menos um para esse ano! Falando nesse livro, terminei hoje, aquelas cenas, uma melhor que a outra, a guerra e o hospital eram de cortar o coração, e o pior é que você nem acha que o livro vai tratar disso no começo... E que FINAL, QUE FINAL! Muito obrigado pela indicação, pelas indicações na verdade, o Grande Gatsby também foi incrível! Que esse ano nossas metas sejam atingidas, ou não, mas o mais importante é ler coisas boas, porque as metas podem ser replanejadas!

    ResponderExcluir
  4. Meu Deus como você conseguiu ler tantos livros? Eu só consigo no máximo ler 14 :(

    ResponderExcluir

Obrigado por visitar e comentar no Literature-se.
Assim que puder, visitarei o seu blog. Caso não tenha um, deixe twitter, Facebook ou e-mail para que eu possa respondê-lo :)
Dicas, sugestões e críticas construtivas? Comentários abertos para isso e muito mais, só contando com aquela boa dose de bom-senso necessário, né? ;)

 
Literature-se © Todos os direitos reservados :: Ilustração por Prih Mizuh (@pri_mizuh) :: voltar para o topo