14.1.12

Resenha: Lago dos Sonhos

Lago dos Sonhos, escrito por Kim Edwards.
  • Editora: Arqueiro
  • Páginas: 329
  • ISBN: 9788580410044
Lucy Jarrett é uma jovem de espírito aventureiro que, depois da morte do pai, saiu de casa para cursar a faculdade e, desde então, não teve mais pouso certo. Bem-sucedida em sua carreira, ela vai aonde a vida a leva, sempre pulando de um país para outro. De repente ela se vê estagnada - morando com o namorado no Japão, Lucy não consegue arrumar trabalho e a relação deles está abalada. Ao saber que sua mãe sofreu um acidente, Lucy decide ir visitá-la em Lago dos Sonhos. Lá descobre que a mãe está pensando em vender a propriedade da família e que seu namorado da adolescência tem um filho e um próspero ateliê de fabricação de vidro. Diante dessas mudanças, Lucy precisa enfrentar a realidade - apesar de ter ido embora e por muito tempo ter julgado aqueles que ficaram, ela é que nunca conseguiu superar o trauma causado pela morte do pai.

Lucy Jarret é uma mulher formada que saiu de casa para viver o seu sonho: morar em outro país e ser bem sucedida. Porém, depois de conquistar seus sonhos, o que não previa era que fosse encontrar sua vida estagnada, sem emprego, sem família, sozinha, num país que não lhe é familiar (muito menos confortável) e dependendo de seu namorado para viver.

Às vezes a solidão é uma emergência, pensei, lembrando-me novamente de Yoshi, de sua gentileza e de sua infinita paciência com a tristeza que eu vinha reprimindo e carregando comigo havia tanto tempo.

Enquanto incomodada pelos iminentes terremotos, procurava por empregos e lutava contra seu próprio descontentamento pela vida, sua mãe sofreu um leve acidente que a deixou um pouco preocupada. Talvez seja pela urgência de sua vida no momento, Lucy decide visitar sua família. E é então que a história deslancha. Lucy revive o seu passado, e ainda mais emocionante que isso, revive o passado de seus antepassados, principalmente de uma parenta desconhecida, que ninguém sequer sabia de sua existência. Esses dias em sua terra natal transforma Lucy, e a faz repensar em como agiu diante da morte de seu pai há anos e o que fez com a sua vida depois disso.  Com todos os acontecimentos emocionando a sua vida em tão pouco tempo, Lucy aprende grandes lições que são passadas para o leitor, também. A escrita é conhecida por ser difícil e demorada, porém considero algumas críticas um tanto quanto exageradas, e não pude deixar de me perguntar se as pessoas que disseram tal coisa não gostam de ler, porque ao finalizar a leitura de um livro, o que vale é o todo, não o quanto demora para se ler. Enfim, a autora usa muita descrição na narrativa, isso cansa um pouco no começo, mas depois vale a pena o tempo gasto. É do tipo de livro que te envolve, te encanta, te emociona e  te ensina muitos valores sobre a vida. Depois da leitura, você só estará feliz por ter tido a oportunidade de ler algo incrível. 

Quotes:
... pensando em como livros eram humanos, tão cheios de ideias e imagens, de mundos fictícios... Cheios de impressões digitais, de risadas súbitas e da imaginação dos leitores. Pensar em todos aqueles autores lutando com palavras, ou frases, registrando seus pensamentos para pessoas que não conheciam...
Foi isso que aprendi durante a vida: jamais agir movida pela raiva. Agir movida por amor ou não fazer nada.
Acho que a maldade é uma força presente no mundo. Ela encontra o caminho para penetrar em nossas vidas por meio da raiva e da perda, da tristeza e da traição, como o mofo que cobre o pão, como a podridão que consome uma maçã, tomando conta de tudo.
Independentemente de ser bem-vindo ou não, o conhecimento é algo que não se pode desfazer.

7 comentários:

  1. Quero muito ler Lago dos sonhos.
    Adorei o lay do blog *-* Ainda não tinha visto. Ficou lindo demais!

    ResponderExcluir
  2. Mell, é exatamente o fato de a autora usar muita descrição que me desanima a ler os livros dela. Comecei a ler O Guardião de Memórias, mas não consegui terminar de forma alguma =/
    Beijão

    ResponderExcluir
  3. Ai que linda! Fiquei com vontade de ler o livro, woa! E que maravilhoso o novo lay! Você quem faz ou você encomenda/pega da internet/etc? Ficou lindo mesmo!

    Beijão! Ni

    ResponderExcluir
  4. Não tive a oportunidade de ler esse livro, mas pelo que eu vi parece ser um livro muito bom! Já está na minha lista de leituras deste ano.

    Beijos

    Jac

    ResponderExcluir
  5. Ainda não li esse, mas parece ser bastante bom. Eu gosto de escrita detalhada, pra mim é justamente o que torna um livro bem escrito *-* Enfim, boa dica.
    Sou sua mais nova seguidora, haha.
    Isabela.

    ResponderExcluir
  6. Não conhecia o livro... A resenha me deixou curiosa, depois vou dar uma conferida no livro...
    Beijosss
    Bianca,
    Book Mania
    http://bookmaniablog.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Ameiiiiiiiiiiiiiiiiii seu layout.
    Europa é tudo de bom!!!!

    Ah, nem li ainda. Uma amiga gostou e achou meio 'bhleh'.
    Mas gostei da sua resenha, vou dar uma chance ao livro!

    bjss

    ResponderExcluir

Obrigado por visitar e comentar no Literature-se.
Assim que puder, visitarei o seu blog. Caso não tenha um, deixe twitter, Facebook ou e-mail para que eu possa respondê-lo :)
Dicas, sugestões e críticas construtivas? Comentários abertos para isso e muito mais, só contando com aquela boa dose de bom-senso necessário, né? ;)

 
Literature-se © Todos os direitos reservados :: Ilustração por Prih Mizuh (@pri_mizuh) :: voltar para o topo