28.1.11

Resenha: Morte e Vida de Charlie St Cloud

Morte e Vida de Charlie St Cloud, de Ben Sherwood.
  • Editora: Novo Conceito.
  • ISBN: 9788563219183
  • Páginas: 296

Um coração dividido entre dois mundos. Em uma pacata vila de pescadores da Nova Inglaterra, Charlie St. Cloud cuida dos gramados e monumentos de um antigo cemitério onde seu irmão mais jovem, Sam, está enterrado. Após sobreviver ao acidente de carro que tirou a vida de seu irmão, Charlie recebe um dom extraordinário: ele consegue enxergar, conversar e até mesmo brincar com o espírito de Sam. É neste mundo místico que entra Tess Carroll, uma cativante mulher treinando para navegar sozinha ao redor do mundo em um veleiro. O destino faz com que seu barco seja apanhado por uma violenta tempestade, trazendo-a assim para a vida de Charlie. Sua bela e incomum ligação os leva a uma corrida contra o tempo e a uma escolha entre a vida e a morte, entre o passado e o futuro, entre apegar-se ou deixar o passado para trás – e a descoberta que milagres podem acontecer se nós simplesmente abrirmos nossos corações.

Morte e Vida de Charlie St Cloud é uma estória de muitos ensinamentos. Creio que numa vida bem aproveitada, temos que saber definir bem o certo e o errado através de nossos aprendizados. Esse livro nos passa mensagens  tão delicadas e tocantes, que não tem como deixar de nos marcar. De qualquer forma, o leitor sempre lembrará de suas passagens, pelo simples fato de conter ensinamentos.

Charlie St Cloud é um jovem que vive com sua mãe e seu irmão mais novo. O foco aí é a amizade que os dois possuem, pois são melhores amigos e compartilham várias paixões, principalmente o beisebol. Ambos são dois adolescentes promissores e de comportamentos excelentes. Focando Charlie, este possui um futuro brilhante, tendo várias conquistas em seu currículo escolar, ainda mesmo no Ensino Médio. Tudo isso muda quando, por uma escapada da realidade, Charlie decide ir com o irmão num jogo de beisebol. Citando uma passagem do livro, "Para ser mais preciso, Charlie arruinou tudo na sexta-feira, 20 de setembro de 1991". O jovem, ainda sem licença para dirigir, rouba o carro da vizinha e leva seu irmão para um emocionante jogo. Na volta, um terrível acidente acaba por transtornar toda a sua vida - e por acabar com a de seu irmão.

Com a morte de Sam, Charlie se vê desnorteado sem o apoio irmão. Mas ele fez uma promessa à ele, antes que morressem; Não iria abandoná-lo jamais. E essas palavras lhe concederam um dom que lhe acabou com todo o precoce brilhantismo de seu futuro. Charlie passou a ver os espíritos no Limbo, um local entre a vida e a morte, em que os mortos têm que passar antes de concretizarem sua passagem e que permanecem pelo tempo que determinarem. Para manter a promessa feita à Sam, Charlie precisa vê-lo constantemente ao por do sol, hora do dia em que seu irmão lhe aparece, ainda no Limbo. 

O livro começa com o acidente dos irmãos, fato narrado pelo bombeiro que fez o resgate. Depois a estória vai sendo contada com a alternância dos narradores, treze anos após o acidente: ora Charlie, ora Tess. Tess Carroll é uma brilhante velejadora, bem sucedida e com sonhos maravilhosos. Ela conhece Charlie num momento de sua vida que irá surpreender até o mais insensível dos leitores. Uma paixão surge entre os dois, e esse belo sentimento começa a ameaçar a ligação existente entre os irmãos St. Cloud.

É nesse clímax que você percebe o tormento em que transformou-se a vida de Charlie após o acidente; ele deixou de viver, apegado a uma promessa, e fez de sua vida um mar ausente de sonhos. Suas realizações cessaram, ele estagnou sua vida e nada mais fez para conquistar o que almejava. Percebeu que colegas de escola estavam mais bem sucedidos do que ele, pelo simples fato de terem corrido atrás daquilo que desejavam; Ele finalmente foi percebendo que deixara de viver por algo há muito perdido... E que tudo o que lhe ocorrera, havia acontecido por um motivo muito nobre: ele estava destinado a reviver uma alma doce e singela, possuia uma razão genuína para ter aquele dom.

Ben Sherwood chegou a ser comparado com Nicholas Sparks. Ambos são romancistas que tratam de laços de amor, e nos contam estórias tocantes. Mas não posso compará-los e dizer que são parecidos, pois estaria sendo injusta. A escrita de Sherwood é fluida como a de Sparks, mas em Morte e Vida de Charlie, ele aborda um tema que Nicholas não o faz: o sobrenatural. Mas uma coisa eles têm em comum: as estórias que ambos contam, nos toca o coração mesmo (e é bem provável que te faça chorar no decorrer da leitura HAHA).

E não poderia deixar de mencionar o trabalho da editora Novo Conceito. Gosto de sempre de deixar o meu comentário sobre o trabalho editorial do livro em questão, e não poderia ser diferente com esse. 
A diagramação é ótima, o material usado já é conhecido da editora, e pessoalmente, eu adoro! É super fácil de manusear, e de certa forma é leve. A capa é muito bonita, e também é uma característica da Novo Conceito, pois usaram o cartaz do filme baseado no livro (que tem Zac Efron interpretando Charlie St. Cloud!). Não vi nenhum erro de revisão, o que me deixou super feliz!

Agora quero assistir ao filme, e ler outros livros do Ben Sherwood, se possível HAHA
(Procurando a minha nota para o livro? Ela está ali, oh, à direita, marcada num post-it roxo;)

26 comentários:

  1. Sempre to passando aqui no seu blog Mell. Mais do que as resenhas o que eu ando curtinho muito é o fato de você estar escrevendo cada vez melhor XD

    Bjos

    ResponderExcluir
  2. Ouço muito sobre esse filme e estou realmente tentada a ir ! bjooos

    ResponderExcluir
  3. esse livro tem muito cara de ser daqueles que vão me fazer chorar assim que eu começar a ler. quero ver o filme apesar de não estar muito convencida da atuação do zac efron, antes de ler o livro (pra não rolar aquela decepção pós adaptação, saca? hahaah)
    adorei a resenhaa"! de arrepiar :D

    ResponderExcluir
  4. Não posso ler!!!!!
    Esse livro está aqui quetinho, me esperando!! Acrescentei ele na minha ultima compra!!
    Quando ler venho aqui fazer um comentário mais decente Mellory!! =D


    Abraço


    Luiz Silva
    blogueiroleitor.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Eu quero muito ver o filme e ler o livro. Achei super bacana a ideia :D
    Bem diferente do que estou acostumada a ver O/

    ResponderExcluir
  6. como sempre, o livro parece muito melhor que o filme...acabei de assistir, e apesar do Zac -hahaha, brincadeira- curti o filme...imagino o livro então, vou chorar!

    ResponderExcluir
  7. Eu assisti o filme e adorei, além de ter chorado horrores. Agora estou louca pra comprar o livro o/

    ResponderExcluir
  8. Nossa tudo que eu precisava para ele entrar nos meus desejados, ia comprar ele hoje, mas tenho medo da morte ( o que iria acontecer em casa se eu comprasse mais um livro).
    Beijos, K
    Girl Spoiled

    ResponderExcluir
  9. Ei, Mell, como sempre as nossas leituras andam se coincidindo. Tô com Morte e Vida de Charlie St.Cloud aqui na lista pra ler e sua resenha, mais uma vez, conseguiu me deixar com muita vontade de passá-lo na frente de todos os outros.
    Beijão,
    Babi Lorentz

    ResponderExcluir
  10. Estou doida pra ler esse livro e ansiosa pra que ele chegue aqui em casa! (: Parece ser uma história linda!

    ResponderExcluir
  11. nossa, você gostou tanto assim? Nunca tinha criado grandes expectativas, mas já que você tá dizendo... eu realmente amo os livros da novo conceito pela praticidade e beleza do material. Adorei a resenha! Beijos

    ResponderExcluir
  12. Sem duvidas quero muito ler este livro! me parece ser ótimo mesmo.. adorei a resenha, gosto demais deste dipo de livro *-* adorei
    Beijos
    Carol {SobreUmlivro}

    ResponderExcluir
  13. Hey, Mellory!

    Já li uma super resenha sobre esse livro no Confissões Literárias e já estou doida pra ler. *_*

    Beijos!

    ResponderExcluir
  14. Oi Mellory!
    Quero muito ler esse livro e também ver o filme para ver o Zac Efron ;)
    Beijos

    ResponderExcluir
  15. Bom começar a ver as opiniões das blogueiras! Não esqueça de dizer depois se o filme é tão bom quanto o livro.
    bjs

    Carine
    okaycult.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. Parabéns, Mell. Que resenha fantástica!
    Realmente o livro é incrível, acho que foi um dos únicos que me fez chorar por DIAS. Haha depois que eu li eu facava relembrando a história e ficava lagrimando por aí HAHA.

    E a capa então? Esse Zac pitel se querendo pra gente, TENSO!

    Tava doidinha pra ler sua resenha, são sempre tão desenvolvidas e bem escritas.

    E quando eu gosto de um livro eu fico na ansiedade pra ver se as pessoas gostaram também! E como você gostou eu não preciso poarar de visistar seu blog ou te xingar *aquelas vingativas* HAHAHAHA

    Amei mesmo!
    Beeeijos.

    ResponderExcluir
  17. Eu tô louca pra ler esse livro. Já tá na minha lista.

    ResponderExcluir
  18. Ain qe coisa! Preciso ler o livro e ver o filme >< Poxa, todo mundo falando bem e tals, e eu aqui D: SUKHDUKSHDSU Amei a resenha viu? A melhor que já li (:

    Beijos
    World of Carol Espilotro

    ResponderExcluir
  19. Saudades de você, Mell!
    Estou doida pelo livro. Sua resenha me fez ficar ainda mais curiosa.
    Beijos

    ResponderExcluir
  20. Oiiiee!
    Eu simplesmente amo a capa do livro, e não só por ter o Zac, mas é que acho ela bonita mesmo...e sempre morro de curiosidade pra pegar e saber da história, mas sempre acabo passando outros pela frente, mas depois da sua resenha, fiquei super curiosa e ele entrou na lista das próximas compras!

    beijo

    ResponderExcluir
  21. Estou LOUCA pra ler esse livro e sua resenha me deixou quase SURTANDO aqui *o*

    Adorei, adorei. E o Nicholas pode não ter a pegada sobrenatural, mas tem muito a coisa da fé... adoro :P

    Tá SUPER na lista. Mal espero a hora de comprar \o/

    Beijocas!
    Juh Oliveto
    Livros & Bolinhos ~

    ResponderExcluir
  22. Oi Mell!!!
    Nossa, que resenha ótima!! Parabéns!!

    Eu acabei vendo o filme primeiro... mas AMEI!! Nossa, Zac Efron está fantástico no papel de Charlie!! É um filme maravilhoso então nem duvido que o livro seja melhor!!

    Não vejo a hora de chegar o meu!!! Hhuhuhuhuh
    \o/

    Novo Conceito realmente está de parabéns!!!

    Beijos!
    xoxo

    ResponderExcluir
  23. Eu olho essa capa e o filme, maz não consigo acreditar que é Zac Efron (é pq em High School não vejo muita graça nele, e aqui ele mudou meu conceito hahaha)
    Como amo o NS, acho que realmente vou gostar desse livro... A história é bem legal!
    Adorei a resenha! Esse deve ser 10 mesmo!!!

    Bjussssss

    ResponderExcluir
  24. Comprei ontem uma versão do livro, bem antiga, da seleções.Mas como minha lista de leitura está enorme não sei quando vou ler. Sempre vejo resenhas falando bem e estou curiosa.
    Bjkas!!

    Monique

    ResponderExcluir
  25. Essa e uma daquelas historias que te fazem refletir sobre sua propria vida.
    E uma historia muito emocionante e bem desenvolvida.
    Muito parecia com as historias do Sparks.
    Simplismente amei o livro do Ben Sherwood !

    ResponderExcluir
  26. Terminei de ler esse livro ontem e me apaixonei pela história.
    Hoje, baixei o filme pretendo vê-lo a noite.
    Uma história cheia de sentimento e sim, vc definiu muito bem em sua resenha, Charlie deixou de viver...e isso fica perceptivel a cada nova cena ou a cada nova página..rs
    Resenha simples, focada...perfeita!

    Abraços

    ResponderExcluir

Obrigado por visitar e comentar no Literature-se.
Assim que puder, visitarei o seu blog. Caso não tenha um, deixe twitter, Facebook ou e-mail para que eu possa respondê-lo :)
Dicas, sugestões e críticas construtivas? Comentários abertos para isso e muito mais, só contando com aquela boa dose de bom-senso necessário, né? ;)

 
Literature-se © Todos os direitos reservados :: Ilustração por Prih Mizuh (@pri_mizuh) :: voltar para o topo