16.11.10

Resenha: Noites de Tormenta




Sinopse: Aos 45 anos, Adrienne Willis repensa toda a sua vida quando o marido a abandona por uma mulher mais jovem. Com o coração partido e em busca de descanso ela segue para a pequena cidade de Rodanthe, na Carolina do Norte, para cuida da pousada de uma amiga, Quando uma tempestade terrível se aproxima, Adrienne começa a achar que sua fuga perfeita está arruinada - isso atá a chegada do novo hóspede, o Dr. Paul Flanner. Aos 54 anos, o médico chega a Rodanthe para repensar sua profissão e relação com a família. Agora, em meio à tempestade que os cerca, os dois seres feridos procurarão conforto um nos braços do outro - e esse único fim de semana despertará sentimentos que irão acompanhá-los pelo resto de suas vidas. O título desse livro foi mudado de O Sorriso das Estrelas para Noites de Tormenta depois do sucesso do filme, que agora compõe também a capa do livro.

Minha avaliação está visível sempre no final da resenha, no canto direito do texto, em forma de "post-its" roxos, em nota de 0-10,  onde levo em consideração a diagramação geral, escrita, enredo e história.


Noites de Tormenta é o terceiro livro do escritor Nicholas Sparks que leio. Deles, achei o mais fraquinho, e o único que não fez lágrimas rolarem pelo meu rosto. Comecei a leitura (que por conta das provas durou uma semana, shame on me) preocupada com a possibilidade de chorar mais uma vez, e terminei até que decepcionada.
 A leitura é super fluida. Há alternância entre o passado e o presente de toda a historia, e maior parte dela é narrada pela própria personagem principal. O por que de eu não ter gostado tanto do livro? O relacionamento de Paul e Adrienne se desenvolve muito rapidamente, de um modo meio irracional e logo no primeiro momento em que se conhecem. Claro que acredito em amor à primeira vista, mas achei super forçado o amor que eles diziam sentir um pelo outro logo no segundo dia. Sou daquelas que acredita que, não importa a intensidade da paixão, "amor" é uma palavra forte demais para ser dita assim, à esmo. 
 Contudo, o ponto forte da história é, sem dúvidas, o final surpreendente. Foi incrível o desfecho que Sparks deu à história e, apesar de achar bem previsível ao terminar de ler o livro, não imaginava que assim fosse antes de terminar de lê-lo. Confesso que se eu não chorei, cheguei perto. Talvez seja o meu estado emocional atual. Vai saber hahaha
 Além disso, achei a escrita do autor muito deliciosa (não achei palavra melhor). É de uma simplicidade que atrai qualquer leitor. Como exemplo do que falo, há a cena em que Paul e Adrienne estão cozinhando:



Enquando Adrienne procurava a assadeira perto do forno, Paul colocou o copo sobre a bancada e foi até a pia. Depois de abrir a torneira, ele ensaboou e esfregou as mãos. Ela reparou que ele esfregara as palmas e as costas das mãos e depois havia limpado cada um dos dedos individualmente. Ele se virou para o forno, ajustou a temperatura e viu o gás dar sinal de que estava ligado.

 Fora isso, os personagens me cativaram, coisa que é bem difícil de acontecer num livro tão curto. O caráter das personagens foi muito bem trabalhado, e creio que conheci melhor sobre elas do que o próprio relacionamento delas. O caráter descrito de Paul nos ensina que não há perfeição em ninguém, nem mesmo em romances. E a honestidade de Adrianne nos passa uma ideia visionária de como todos deveríamos agir em nossas vidas. Como sempre acontece, pude aprender ainda mais sobre o ser humano com esse livro de Nicholas Sparks. 
 A diagramação é ótima. A capa é a do próprio filme (adaptação do livro) que já existe, e cada capítulo se inicia com uma mesma paisagem: a de uma casa a beira mar, alusão à pousada onde tudo acontece. Os erros são mínimos.



Autor: Nicholas Sparks - Editora: Novo Conceito - ISBN: 8599560514 - Páginas: 174

14 comentários:

  1. Ess filme deve ser lindooo! quero assistir!
    bjss

    www.blogdajupenedo.com

    ResponderExcluir
  2. Minha mae viu sozinha o filme há algum tempo atrás. No dia seguinte, veiio me dizer que era um dramalhao de respeito - e olha que ela adora dramas, como Fale com ela e Tudo Sobre Minha Mae !. Quando vi que Novo Século tinha publicado - na verdade pelo seu vídeo Agora que eu tenho ^^ - pensei se o livro fosse tao dramático quanto, mas, pela sua resenha, conclui que eles devem ter exagerado no filme. Quando puder, veja o filme e compare os dois ? Queria saber sua opniao, já que leu o livro.
    Adoro sempre a estrutura das suas resenhas :)

    Beijos,
    Victor

    PS.: Nao é meu primeiro comentário, nao diga que nao vê por aqui hum ! u.u ;)

    ResponderExcluir
  3. Puxa... Eu adorei o livro.
    Achei curto e, mesmo assim, fofo demais.
    Chorei. Não muito, mas chorei, hahaha.

    Nicholas é encantador demais :)
    E os personagens realmente me fascinaram de cara *-*

    Beijocas!
    Juh Oliveto
    Livros & Bolinhos ~

    ResponderExcluir
  4. Ainda não li e não vi o filme!
    Mas pretendo fazer os dois. Você viu o box do Nicholas Sparks que estão vendendo na Saraiva? Babei, mas nem posso pedir agora. Quem sabe mais perto do Natal e meu aniversário eu consiga barganhar e ganhar.
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Oiii! Parace ser bem legal esse livro! Adorei a sua resenha! Lembro que na época que assisti o filme, gostei. Mas, não me lembro mais dos detalhes. :( Bjsss

    ResponderExcluir
  6. Adorei sua resenha *-*
    Ainda não li nenhum do Nicholas Sparks =X E olha que estou com a Última Música aqui comigo =/
    Mas tenho uma reserva com livros que fazem chorar =P Não sou muito de drama, e talz...
    Eu vi o filme Noites de Tormenta e achei legalzinho, mas minha mãe adorou! Assistiu duas vezes seguidas e chorou litros XD Ela disse que se identificou kkk
    Vou tentar ler A última música agora ;D
    Bjus =*

    ResponderExcluir
  7. Não gosto muito de roamnce, mas todo mundo tava falando do Nickolas e tals e resolvi ler Querido John, não gostei muito, mas achei a estória razoável.
    Não sei se leria Noites de Tormenta,hehe, Mellory eu tbm não acredito em amor a 1° vista, quando ao autor tenta forçar isso no livro eu acho que não dá muito certo.rs
    Bjos

    ResponderExcluir
  8. oi, Mel!
    Desculpa estar sumida, ando muito atarefada! Eu ainda não li esse livro,mas vi o filme há um tempinho e lembro que disse para minha mãe que era filme de velho hahaha se bem que eu pegava o richard gere heim

    ResponderExcluir
  9. Ei flor!
    Ameii seu blog. Está lindo!
    Estou seguindo!
    Me segue tbbbb!
    http://1001cosmeticos.blogspot.com
    @1001cosmeticos
    Bjimmm

    ResponderExcluir
  10. Ainda não li, mas está na fila, vi ele em um sebo e separei para troca-lo por uns livros que tem aqui, eu meio que li um livro do Nicholas e agora quero ler todos.
    Beijinhos, K.
    Girl Spoiled

    ResponderExcluir
  11. parece ser bem legal, vou procuar ler :)

    beijos, @love_liesel

    ResponderExcluir
  12. Oi Mell!!!!
    *-*
    Nossa, estou louca pra ler este livro!!! Eu vi o filme primeiro, infelizmente, e meu Deus... chorei litros!!!!
    :x
    A história é maravilhosa e simplesmente admiro muito Nicholas Sparks por conseguir dar um desfecho maravilhoso em cada livro, sem ser repetitivo!!
    Alguém pergunta pra esse homem se ele passou por uns maus bocados na infância?? Ou é alguma reencarnação de um apaixonado???
    Que coisa!!!

    xoxo

    ResponderExcluir
  13. Ah, Mell, eu acho que Sparks, de uma forma geral, sempre fala de amor do mesmo jeito. E tudo sempre acontece muito rápido. Por isso eu não gostei muito de Querido John e, por isso, achei A Última Música também meio forçado. Acho que os livros dele se repetem. Eu nunca li Um Amor pra Recordar (acho até que o nome do livro não é igual ao do filme), mas é bem parecido. A essência do livro, me entende? Acho previsivel demais, e eu não sou muito apaixonada por leituras previsiveis :S

    ResponderExcluir
  14. Ah,eu achei que esse livro fosse ótimo *-*
    Mas o fato de acontecer rápido demais deve incomodar um pouco mesmo ^^
    Mesmo assim acho que vou ler o livro porque... porque eu vou com a cara dele :} rsrs

    Bjoos'
    Lee Iauch - ϟ●•Giяl's•●ϟ

    ResponderExcluir

Obrigado por visitar e comentar no Literature-se.
Assim que puder, visitarei o seu blog. Caso não tenha um, deixe twitter, Facebook ou e-mail para que eu possa respondê-lo :)
Dicas, sugestões e críticas construtivas? Comentários abertos para isso e muito mais, só contando com aquela boa dose de bom-senso necessário, né? ;)

 
Literature-se © Todos os direitos reservados :: Ilustração por Prih Mizuh (@pri_mizuh) :: voltar para o topo